sábado, 1 de junho de 2019

DEUS – NOSSO PASTOR


Deus, nosso Pastor, não checa a previsão do tempo – Ele o faz! Ele não desafia a gravidade – Ele a criou. Jesus disse, “Deus é Espírito.” Ele não tem limitações. Não muda. Não é governado. Será que não precisamos deste tipo de pastor?

Você não precisa carregar a carga de um deus menor. Um deus numa prateleira, um deus numa caixa, ou numa garrafa. Não, você precisa de um Deus que pode colocar 100 bilhões de estrelas numa galáxia e cem bilhões de galáxias no universo. Um Deus que pode moldar dois punhados de carne em 75 a 100 bilhões de células nervosas, cada uma com 10.000 conexões com outras células nervosas, colocar dentro de um crânio, e chamar isto de cérebro. E você tem um! Ele é o seu pastor!

Aproveite as ofertas e faça suas compras no Mercadinho Comprebem e no Supermercado O Barateiro

Comerciante é assassinado a tiros no Centro de Santa Cruz do Capibaribe

Na noite desta sexta-feira (31), um homicídio foi registrado na Rua Manoel Bernadino no Centro de Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco.

Segundo informações repassadas para nossa equipe de reportagem, a vítima Cleudimar Almeida da Nóbrega, de 40 anos, conhecido por "Vieira", o qual estava em uma mesa do lado de um bar, quando foi surpreendido por dois elementos em uma motocicleta.

Na ocasião o garupa desceu pediu para as pessoas saírem do local pois só queria ele e começou a efetuar disparos de arma de fogo contra a vítima, que não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu.

No local do crime, foram encontradas várias cápsulas de pistola calibre 380. A vítima estava ingerindo bebidas alcoólicas no local no momento do crime.

A Polícia Militar esteve realizando o isolamento da área até a chegada da Polícia Civil, IC e IML para realizarem a perícia e os procedimentos cadavéricos. O corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal de Caruaru.

Do Estação Notícias / Santa Cruz Mais

VOCÊ NÃO ESTÁ SOZINHO


Você alguma vez já foi ao supermercado de estômago vazio? Você acaba fazendo papel de bobo. Compra tudo que não precisa. Não importa se é bom ou não para você – você quer apenas encher a barriga! Quando você está solitário, acaba fazendo a mesma coisa na vida, pega um bocado de coisa da prateleira, não porque você precisa, mas porque está com fome de amor.

Por que fazemos isso? Porque temos medo de enfrentar a vida sozinhos. Devido ao medo de não nos encaixarmos no grupo, aceitamos drogas. Por medo de parecermos diferentes, nós usamos aquelas roupas. Por medo de parecermos pequenos, nos endividamos e compramos a casa. Por medo de dormirmos sozinhos, acabamos dormindo com qualquer um. Por medo de não sermos amados, procuramos amor em todos os lugares errados.

Mas tudo isso muda quando descobrimos o amor perfeito de Deus. 1 João 4:18 diz “O perfeito amor lança fora o medo”. Você não está sozinho!

Em Água Preta e Palmares operação da PF busca suspeitos de causar prejuízo de R$ 5,6 milhões na Previdência Social.

As investigações tiveram início em 2015, a partir de denúncias analisadas pela Coordenação-Geral de Inteligência Previdenciária e Trabalhista (CGINT).

A Polícia Federal Pernambuco deflagrou na quinta-feira (30) a Operação Hodie, visando apurar crimes contra a Previdência Social, relacionados à concessão fraudulenta de benefícios de auxílio-doença, aposentadorias por invalidez, aposentadoria por idade para segurado especial e benefícios de pensão por morte, deles decorrentes.

Durante a ação, foram cumpridos três mandados de busca e apreensão, sendo dois na cidade de Palmares, na Mata Sul, na residência de um ex-servidor do INSS e um em Água Preta, na residência de um intermediário. Estima-se que um prejuízo aproximado de R$ 5,6 milhões com o pagamento dos benefícios obtidos de forma fraudulenta.

As investigações tiveram início em 2015, a partir de denúncias analisadas pela Coordenação-Geral de Inteligência Previdenciária e Trabalhista (CGINT), da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia e do INSS.

Com a instauração do inquérito policial para apuração de benefício específico, as investigações se estenderam, chegando a uma amostragem de 98 benefícios, com indicativos de fraudes, após o resultado da análise realizada pela Força-Tarefa Previdenciária.

Foram constatadas irregularidades como a manipulação de agendamento, declarações falsas atestando indevidamente a qualidade de trabalhador rural e informações falsas simulando a qualidade de dependente para os benefícios de pensão por morte.

Os investigados responderão pelos crimes de estelionato qualificado, falsidade ideológica, uso de documentos falsos, peculato e inserção de dados falsos no sistema, além de outros crimes a serem revelados com a conclusão das investigações. As penas máximas somadas podem chegar a 35 anos de reclusão.

Nas buscas foram apreendidos diversos contratos de concessão de benefícios com indícios de fraudes e diversas carteiras de trabalho que foram utilizadas para o cometimento dos golpes visando a concessão fraudulenta dos benefícios. 

Todo o material passará por perícia técnica visando corroborar com as investigações para responsabilizar todos os responsáveis pela ação delitiva.

Do Estação Notícias / G1