terça-feira, 15 de janeiro de 2019

Polícia prende deficiente físico acusado de aplicar golpes em Caruaru

Elemento se passava por matador de aluguel e extorquia dinheiro das vítimas

O delegado Alberes Cristiane da 1ª Delegacia de Polícia de Caruaru recebeu denúncias de que o deficiente físico aposentado Natanael da Silva Santos, 22 anos, estaria se passando por matador de aluguel e extorquindo as vítimas.

De acordo com informações da polícia, Natanael escolhia suas vítimas pelo  Fecebook e vasculhava a sua conta pessoal. Após descobrir o número do telefone, ligava se passando por um matador de aluguel que teria sido contratado para executar alguém da família pelo valor de R$ 10 mil. O “suposto matador” disponibilizava uma conta bancária e mandava a vítima transferir a quantia de R$ 1 mil reais, alegando que além dele não matar o familiar, também divulgaria a foto de quem o teria contratado.

No início da noite desta terça-feira (15), a polícia conseguiu prender Natanael na residência onde mora no Bairro Vassoural em Caruaru. Na delegacia ele afirmou que tentou aplicar o golpe por que estaria devendo R$ 800 a uma mulher e não tinha dinheiro para pagar. Ele ainda disse que teria “visto demais”, ou seja, que viu o que não devia, e por isso estava recebendo ameaça de morte. Questionado o porque não prestou queixa, o mesmo alegou apenas que “não queria morrer”.

Esta não é a primeira vez que Natanael foi preso. Em dezembro de 2017 ele foi detido por ter passado trotes para a polícia e também ter se passando por um policial que ligava para mulheres extorquindo dinheiro das vítimas (relembre aqui).

O deficiente aposentado deve passar por audiência de custódia nesta quarta-feira (16).

Do Estação Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário