quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Nível da Barragem de Santana II tem diminuído de forma acelerada e preocupa a população brejense

De acordo com dados atualizados da Apac, a Barragem está atualmente com 26,2 % de sua capacidade. Confira imagens de drone.

A capacidade de acumulação da Barragem de Santana II em Brejo da Madre de Deus, no Agreste de Pernambuco, é de 567 milhões de metros cúbicos de água. Atualmente ela conta com 149 milhões de metros cúbicos – 26,2 % da capacidade total.

Através de imagens aéreas feitas por um drone é possível ver a situação que se encontra o nosso principal reservatório, que apresenta um cenário preocupante. Em alguns pontos, é possível observar que o espaço, antes ocupado por uma abundância de água, se transformou em um pequeno córrego.

A falta de chuva neste período, a evaporação e o abastecimento periódico, são os causadores da diminuição de água no reservatório que abastece a cidade e também os distritos de Barra de Farias e Fazenda Nova.

A Compesa faz o racionamento do abastecimento pelas torneiras, mas a situação é preocupante, pois de acordo com informações da APAC um reservatório entra em colapso quando o volume estiver com menos de 10 % da sua capacidade, e isso leva o abastecimento a ser feito por carros-pipa, prejudicando ainda mais a população.

Do Estação Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário