sábado, 21 de março de 2015

"Precisa-se de Matéria Prima para construir um País"

A crença geral anterior era que Collor não servia, bem como Itamar e Fernando Henrique.
Agora alguns dizem que Lula não serviu e que Dilma não serve. E o que vier depois de Lula e Dilma também não servirá para nada...
Por isso estou começando a suspeitar que o problema não está no ladrão corrupto que foi Collor, ou na farsante que foi o Lula.
O problema está em nós.
Nós como POVO.
Nós como matéria prima de um país.
Porque pertenço a um país onde a "ESPERTEZA“é a moeda que sempre é valorizada, tanto ou mais do que o dólar.
Um país onde ficar rico da noite para o dia é uma virtude mais apreciada do que formar uma família, baseada em valores e respeito aos demais.
Pertenço a um país onde, lamentavelmente, os jornais jamais poderão ser vendidos como em outros países, isto é, pondo umas caixas nas calçadas onde se paga por um só jornal E SE TIRA UM SÓ JORNAL, DEIXANDO OS DEMAIS ONDE ESTÃO.
Pertenço ao país onde as "EMPRESAS PRIVADAS" são papelarias particulares de seus empregados desonestos, que levam para casa, como se não fosse roubo, folhas de papel, lápis, canetas, clipes e tudo o que possa ser útil para o trabalho dos filhos e para eles mesmos.
Pertenço a um país onde a gente se sente o máximo porque conseguiu "puxar" a tevê a cabo do vizinho, onde a gente frauda a declaração de imposto de renda para não pagar ou pagar menos impostos.
Pertenço a um país onde a falta de pontualidade é um hábito.
Onde os diretores das empresas não valorizam o capital humano.
Onde há pouco interesse pela ecologia, onde as pessoas atiram lixo nas ruas e depois reclamam do governo por não limpar os esgotos.
O povo saqueia cargas de veículos acidentados nas estradas, dirige após consumir bebida alcoólica, pega atestado médico sem estar doente, só para faltar ao trabalho, quando viaja a serviço pela empresa, se o almoço custou 10, pede nota fiscal de 20.
Comercializa objetos doados nessas campanhas de catástrofes, compra produtos pirata com a plena consciência de que são pirata.
Quando encontra algum objeto perdido, na maioria das vezes não devolve, se falsifica tudo, tudo mesmo... só não falsifica aquilo que ainda não foi inventado.
E quer que os políticos sejam honestos.
O Brasileiro reclama de quê, afinal?
Aqui nossos congressistas trabalham dois dias por semana para aprovar projetos e leis que só servem para afundar o que não tem, encher o saco do que tem pouco e beneficiar só a alguns.
Pertenço a um país onde as carteiras de motorista e os certificados médicos podem ser "comprados", sem fazer nenhum exame.
Um país onde uma pessoa de idade avançada, ou uma mulher com uma criança nos braços, ou um inválido, fica em pé no ônibus, enquanto a pessoa que está sentada finge que dorme para não dar o lugar.
Um país no qual a prioridade de passagem é para o carro e não para o pedestre.
Um país onde fazemos um monte de coisa errada, mas nos esbaldamos em criticar nossos governantes.
Como "Matéria Prima" de um país, temos muitas coisas boas, mas nos falta muito para sermos os homens e mulheres de que nosso País precisa.
Esses defeitos, essa "ESPERTEZA BRASILEIRA" congênita, essa desonestidade em pequena escala, que depois cresce e evolui até converter-se em casos de escândalo, essa falta de qualidade humana, mais do que Collor, Itamar, Fernando Henrique ou Lula, é que é real e honestamente ruim, porque todos eles são brasileiros como nós, ELEITOS POR NÓS. Nascidos aqui, não em outra parte...
Entristeço-me.
Porque, ainda que Dilma renunciasse hoje mesmo, o próximo presidente que a suceder terá que continuar trabalhando com a mesma matéria prima defeituosa que, como povo, somos nós mesmos.
E não poderá fazer nada...
Não tenho nenhuma garantia de que alguém o possa fazer melhor. Mas enquanto alguém não sinalizar um caminho destinado a erradicar primeiro os vícios que temos como povo, ninguém servirá.
Nem serviu Collor, nem serviu Itamar, não serviu Fernando Henrique, Lula e nem a Dilma, nem servirá o que vier.
Qual é a alternativa?
Precisamos de mais um ditador, para que nos faça cumprir a lei com a força e por meio do terror?
Aqui faz falta outra coisa.
E enquanto essa "outra coisa" não comece a surgir de baixo para cima, ou de cima para baixo, ou do centro para os lados, ou como queiram, seguiremos igualmente condenados, igualmente estancados...
Igualmente sacaneados!
É muito gostoso ser brasileiro.
Mas quando essa brasilinidade autóctone começa a ser um empecilho às nossas possibilidades de desenvolvimento como Nação, aí a coisa muda...
Não esperemos acender uma vela a todos os Santos, a ver se nos mandam um Messias.
Nós temos que mudar! Um novo governante com os mesmos brasileiros não poderá fazer nada..
Está muito claro...
Somos nós os que temos que mudar.
Agora, depois desta mensagem, francamente decidi procurar o responsável, não para castigá-lo, senão para exigir-lhe (sim, exigir-lhe) que melhore seu comportamento e que não se faça de surdo, de desentendido.

Sim, decidi procurar o responsável e ESTOU SEGURO QUE O ENCONTRAREI QUANDO
ME OLHAR NO ESPELHO.

Do Estação Notícias / Texto de João Ubaldo Ribeiro 

BOMBA! Dr. Edson quer receber indenização do radialista Bartol Neves

Dr. Edson é criticado e não aceita agora quer indenização, "O dinheiro é para compensar a sensação de dor de Dr. Edson" diz advogado

Na manhã desta sexta-feria (20), o radialista e editor do Blog Patrulha do Agreste Bartôl Neves foi citado pela Comarca de Brejo da Madre de Deus onde tomou ciência de uma ação movida pelo prefeito José Edson de Sousa (PTB). Dr. Edson foi cassado por abuso de poder econômico e abuso de poder político, ou seja, no entendimento dos magistrados o Dr. usou a máquina pública (prefeitura), para se reeleger nas eleições de 2012 e por este motivo ele foi cassado em abril de 2013 juntamente com sua vice Clarice Correia filha do ex-deputado Pedro Correia que está preso por corrupção.

Depois de sua cassação, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) promoveu uma eleição suplementar onde o candidato apoiado pelo Dr. perdeu com uma diferença de mais de 2.500 votos, demostrando assim a insatisfação da população com e sistema político vergonhoso montado pelo grupo do Dr. Edson. Logo após o pleito de 2013 onde Roberto Afora foi eleito e assumiu o comando do município, em agosto daquele ano, foi feito uma auditoria que segundo os auditores a documentação aponta um "rombo" de mais de 20 Milhões de Reais durante a administração do Dr, depois desses fatos, o radialista fez várias indagações ao antão prefeito cassado, "Eu gostaria de saber onde está o dinheiro da creche de mais de Um Milhão de Reais?, Cadê as cartilhas da dengue que foram compradas por vossa excelência e pelo vereador Hilário por quase Um Milhão de Reais que ninguém viu?, Onde o senhor colocou o dinheiro que foi arrecado com leilão, quando vossa excelência vendeu o patrimônio público, cadê esse dinheiro? " questionava Bartôl.

Como nunca obteve resposta Bartôl Neves não deixou o assunto da "administração" vergonhosa caísse no esquecimento, e as vezes, voltava a debater o assunto, onde fez várias observações sobre a situação que passa o município, o sumiço das verbas públicas (segundo a auditória), um aliado de Dr. Edson, talvez um funcionário contratado da prefeitura de Brejo que mora em são Domingos que ganha dinheiro do povo para não fazer nada, este amigo do Dr. gravou o programa e mostrou ao Dr. que ficou muito raivoso, e resolveu pedir uma indenização, é isso mesmo, o excelentíssimo José Edson de Souza sentiu-se muito ofendido e quer uma indenização em dinheiro, confira trecho do documento por dos advogados do Dr.,

" No caso em tela, resta cabalmente comprovado que o requerido (Bartôl) ao se pronunciar, foi bastante agressivo pois não fez meras críticas à gestão do atual Prefeito se assim tivesse sido seria desnecessário à postura desta exordial, suas palavras foram além pois atribui ao autor (Dr. Edson), pratica criminosa" afirmou o advogado de Dr. Edson.

O radialista e blogueiro Bartôl Neves falou sobre o caso, "Ora, se no entediamento do Dr. não é necessário fazer crítica ao seu "governo" deve ser por que ele pensa que está tudo bem, talvez seja por que ele cumpriu suas promessas de campanhas, disse que ai acabar com as filas na policlínica de São Domingos e realmente acabou, praticamente não tem mais atendimento!  Ou não pode fazer crítica por quê o Dr. está acima da opinião publica? Uma sociedade que não pode nem questionar ou criticar um político, não é democracia de verdade, aqui ponto chegamos?, um DITADOR disfarçado de republicano, seria interessante nós cidadãos buscar saber melhor sobre o passado e o comportamento desse tipo de "políticos" que se acham  "intocáveis". desabafou Bartôl.

Em outro trecho do documento feito pelo advogado de Dr. Edson mostra o interesse que o atual prefeito tem pelo dinheiro, confira,

"Assim a citada indenização tem a finalidade de compensar a sensação de dor da vítima" afirma o advogado.

O radialista completou sua opinião, e detonou, "O que me deixa mais indignado, é o tamanho da falta de humanidade desse cidadão que por força de uma liminar voltou a ser prefeito, aqui fala claramente, indenização (o dinheiro), tem a finalidade compensar a dor que Dr. Edson está sentido" ou seja, deu dinheiro a ele a dor passa, que dor é essa? Se uma simples crítica é motivo de dor, eu pergunto a esse prefeito,  o que dizer de centenas de crianças que ficaram sem a creche que não foi concluída? O que dizer família daquele cidadão que morreu depois de uma lutar na Justiça contra esse prefeito? Quem não lembra daquele agricultor que fazia tratamento e recebia os medicamentos da prefeitura e depois que quando Dr. Edson assumiu a prefeitura deixou de fornecer o medicamento e  esse paciente foi pra justiça, e mesmo condenado o Dr. Edson não cumpriu a decisão e o paciente continuou sendo massacrado sem socorro?, O que dizer a milhares de crianças e alunos que tiveram que beber água de cisterna enquanto o prefeito só bebia água mineral comprada com dinheiro publico?, fora outros absurdos praticados por este prefeito e alguns de sua equipe perseguidora e incompetente" disse Bartol que finalizou dizendo que confia na justiça e que ela garantirá seus direitos de se manifestar contra ou a favor de quem quer que seja.

"Para finalizar, por enquanto, quero dizer que confio na Justiça, pois é um dos mecanismos que a sociedade tem para garantir seus direitos como está na Constituição, inclusive o direito de se manisfestar e repudiar atitudes vergonhosas de pessoas que chegam ao poder mentido para o povo e depois não cumprem seus compromissos com a sociedade, e ainda quer nos calar de forma ditadora e perseguidora, para o prefeito de Brejo o que posso de dizer é o seguinte, tenho minha consciência tranquila, não vou deixar de defender a população por conta de uma pessoa com um histórico vergonhoso como o de vossa excelência, basta procura no TCE, TJPE, TRE-PE e na Polícia Federal que vamos ver minha ficha e a sua, minha história e a sua. Agradeço a Deus, pois sei que sempre está à frente de nossas lutas, entrego tudo em suas mãos Senhor, agradeço aos amigos pelo apoio, e afirmou que estarei sempre de cabeça erguida, pois prefiro ser representado na justiça por falar o que penso, do que ser processado e condenado por corrupção. concluiu Bartôl.

Do  Patrulha do Agreste

Aposentada de 62 anos é ameaçada por companheiro de 21 no município de Jataúba

Nesta quinta-feira (19) a Polícia Militar através de denúncia anônima foi solicitada para comparecer até o Loteamento Bom Jesus no município de Jataúba, para averiguar uma possível ameaça.

Chegando ao local, os policiais foram informados pela vítima, uma aposentada de 62 anos que foi agredida pelo seu companheiro André Luiz José da Silva (21 anos), que chegou a feri-la no braço e nos seios com uma faca, onde ameaçou matá-la.