segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Versão falsa do WhatsApp para computador instala vírus na máquina

A fabricante de antivírus Kaspersky Lab alertou nesta segunda-feira (2) para golpes feitos no Brasil usando uma versão falsa do WhatsApp para computadores. O programa fraudulento instala uma praga na máquina das vítimas e é capaz de monitorar o acesso à web para roubar senhas.

O analista de vírus que redigiu o alerta publicado pela Kaspersky Lab é o brasileiro Fabio Assolini. No texto, o pesquisador informa que golpistas brasileiros já tentavam fisgar usuários com a promessa de um WhatsApp para computadores antes mesmo de a versão oficial ser lançada, o que aconteceu em 21 de janeiro.

Os hackers brasileiros já registraram endereços para serem usados no ataque, como "whatsappcdesktop [ponto] com [ponto] br", usado para disseminar uma praga digital "Banker", ou seja, um ladrão de senha bancária.

Assolini também mostrou que o tema foi usado em golpes fora do país. Hackers criaram uma extensão falsa para o navegador Google Chrome e divulgaram mensagens fraudulentas em espanhol e árabe.

A versão oficial e legítima do WhatsApp para computadores pode ser acessada pelo endereço https://web.whatsapp.com/.

Serviços de spam
O alerta da Kaspersky Lab ainda informa preços cobrados no Brasil pela realização de spam, o envio de mensagens indesejadas, para usuários do WhatsApp. O custo é de R$ 200 para 5 mil mensagens, ou R$ 0,04 por mensagem. Para enviar 50 mil mensagens ou mais, o custo por mensagem cai para R$ 0,03. Os serviços podem enviar texto, foto ou vídeo.

O envio de mensagens em massa para fins comerciais não é regulamentado no Brasil.


Do Estação Notícias Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário