sábado, 9 de fevereiro de 2019

Populares vão às ruas e pedem ‘Fora Hélio’ em Belo Jardim

Manifestação ocorreu na manhã desta sexta-feira (8)

Um grupo de moradores revoltados com a atual gestão do prefeito Hélios dos Terrenos (PTB) à frente da Prefeitura de Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco, foram às ruas na manhã desta sexta-feira (8) com cartazes, apitos e gritos de “Fora Hélio”.

Com um banner com a foto da sua filha, Maria Eduarda, 12 anos, que foi uma das seis crianças que morreram no Hospital Júlio Alves de Lira / UPA 24h na atual gestão do prefeito Hélio, Roseane Lima, pediu melhorias para o hospital do município e a saúde pública de Belo Jardim.
“Minha filha morreu por negligência médica. Levei ela por quatro vezes ao hospital, ela passou pela mão de cinco médicos, onde eu estou processando o hospital, médicos. Minha filha precisou de um kit de intubação para poder ao menos salvá-la, e o hospital não tinha. Ela precisava ser transferida às 17h, e foi transferida às 21h por uma ambulância do SAMU que não tinha equipamento. Chegando em Tacaimbó teve que ser trocada de ambulância para que assim ela tivesse mais chance de chegar no Recife. Em Caruaru, ela deu entrada no Mestre Vitalino aonde ela veio a falecer por pneumonia”, explicou a mãe revoltada.
De acordo com a organização do ato, cerca de 200 pessoas participaram do manifesto, que foi realizado de forma pacifica. A concentração aconteceu na Praça dos Motoristas, no São Pedro, e seguiu pelas principais ruas da cidade até a frente da Prefeitura Municipal, na Avenida Deputado José Mendonça Bezerra.

Do Estação Notícias / Bj1

Nenhum comentário:

Postar um comentário