quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

Agência Nacional de Águas (ANA) prioriza fiscalização de duas barragens em Brejo


Barragem do sítio Oitis está em colapso e  sua estrutura está em risco

O Conselho Ministerial de Supervisão de Respostas a Desastre do Governo Federal publicou na última terça-feira (29) duas resoluções que determinam a fiscalização imediata de barramentos de diferentes finalidades, enquadrados como Categoria de Risco (CRI) alto ou com Dano Potencial Associado (DPA) alto.

Desde 2011, a Agência Nacional de Águas (ANA) consolida o Relatório de Segurança de Barragens (RSB) a partir de informações disponibilizadas pelos órgãos responsáveis pela fiscalização de barragens, a depender de seu tipo de uso.

As barragens que estão por completo na cidade de Brejo da Madre de Deus e que terão fiscalização priorizada são a do Machado (sítio Bandeiras) e do Oitis (sítio Oitis) que foram classificadas com Categoria de Risco (CRI) alto..
Barragem do Machado (sítio Bandeiras)

A defesa civil de Brejo vem monitorando diariamente a situação dessas barragens, Edivaldo José (Vadinho) que é coordenador da Defesa Civil nos explicou a situação:

“A Defesa Civil do município está monitorando essas barragens e caso haja possíveis chuvas, que farão o nível das barragens subir, estaremos monitorando as áreas de risco, deixando ciente o pessoal que mora perto da barragem, acompanhando também todo o procedimento dos órgãos competentes que são de responsabilidade pelas duas barragens (Oitis e Machado). E sobre a barragem de Santana II que não está nessa lista, vamos pedir o parecer de como está aquele reservatório e continuaremos monitorando as demais barragens do município”. Disse Edivaldo José (Vadinho).
Vadinho monitorando a barragem de Queimadas

Do Estação Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário