quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

Exclusivo: “Prefeito Hilário me deve quatro meses do aluguel do carro do TFD, por isso deixei de prestar os serviços a prefeitura do Brejo” afirma Jair de Mandaçaia

O irmão do vice-prefeito Josevaldo garante que a decisão de tirar o carro não foi por questões políticas

Os brejenses estão sem transporte adequado para se deslocar até Caruaru para fazer o Tratamento Fora do Domicílio (TFD). Os pacientes estão sendo transportados em um Toyota Bandeirante, veículo inapropriado para quem precisa viajar em condições vulneráveis, principalmente aqueles que estão fazendo hemodiálise.

Este sério problema no transporte do TFD, se deu por que o cidadão Jair de Mandaçaia, irmão do vice-prefeito Josevaldo Lopes, retirou da prefeitura o seu veículo que tem amplo espaço, boas acomodações, inclusive ar-condicionado.

Jair revelou ao Estação Notícias que foi devido a falta de pagamento que o seu veículo parou de prestar os serviços do TFD.

“Estou há quatro meses sem receber o aluguel do carro que fazia o TFD. Pra ser mais exato, na sexta-feira passada (30 de novembro) completou os quatro meses que o prefeito Hilário não me paga. Algumas pessoas pensam que foi por causa de questões políticas, devido ao que ocorreu na câmara de vereadores, mas não teve nada disso, o problema mesmo é falta de pagamento do aluguel do carro, referente aos meses de agosto, setembro, outubro e novembro”, explicou Jair.
O veículo de Jair é van Ford modelo Transit 350l Bus, com capacidade para 16 passageiros e tem uma manutenção cara, sendo difícil aguentar tantos meses sem receber.

“Não compensa de forma nenhuma estar com o veículo rodando sem receber, e quando recebe um mês, deixa outros em atraso, só dá para fazer a manutenção do veículo. Desta forma o prefeito Hilário mostra que não tem compromisso com o povo, nem com as pessoas que prestam serviços para a prefeitura do Brejo”, completou.

A Secretária de Saúde foi comunicada no último sábado de que o veículo de Jair não prestaria mais serviços a prefeitura. O assessor Frailan Mota disse que providenciou outro veículo para fazer o TFD, só não informou até quando os pacientes serão transportados para Caruaru no “lombo do Bandeirante”.

O irmão do vice-prefeito contou que a Secretaria de Saúde sinalizou que vai pagar o que deve, o mesmo garantiu que se Hilário não pagar, vai acionar o Ministério Público.

Do Estação Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário