terça-feira, 13 de novembro de 2018

Fiscalização pode afastar compradores do Polo das Confecções em Pernambuco


Compradores afirmam que darão início a campanha #fortalezasim #pernambuconão

Uma notícia preocupante volta à tona ao Polo das Confecções no Agreste de Pernambuco, haja vista a expectativa no aumento de compradores para feiras de altas temporadas, porém com a atuação fiscal imposta pelo governo estadual pode comprometer a vinda de alguns compradores.

O blog Agreste Notícia trouxe ontem a informação que vários guias de excursões comerciais dos estados do Maranhão, Pará e Piauí, tiveram suas cargas de mercadorias adquiridas no Moda Center Santa Cruz, no Calçadão Miguel Arraes de Alencar, ambos no município de Santa Cruz do Capibaribe, como também, no Parque das Feiras de Toritama, apreendidas pela Secretaria da Fazendo do Estado de Pernambuco (SEFAZ-PE).

Compradores reclamam da pressão e de multas aplicadas

Segundo Shill Souza, presidente da AGTURCO-MA/PA (Associação dos Guias de Turismo Comercial do Norte e Nordeste), pelo menos 16 ônibus e carretas que saíram após a feira de confecções foram apreendidos na cidade de Salgueiro-PE e os valores das multas aplicados são considerados com preços abusivos pelos clientes.

“Vamos fazer outra greve, não vamos para Santa Cruz pois estamos com os ônibus presos, foram pegos em Salgueiro na madrugada da segunda (12) e vamos promover uma campanha #fortalezasim, #pernambuconão”, disse a presidente da AGTURCO.
Do Estação Notícias / Primeiro Informa

Nenhum comentário:

Postar um comentário