terça-feira, 24 de julho de 2018

Dois assaltantes morrem após troca de tiros com a Polícia em Caruaru

Os criminosos tinham tomado um veículo de assalto em Agrestina
Na manhã desta terça-feira (24), dois indivíduos assaltaram um vidraceiro na cidade de Agrestina, a vítima que estava no seu depósito, foi abordado pelos elementos que chegaram a pé, ambos armados anunciaram o assalto, tomaram dois celulares, a carteira porta cédulas e o carro do rapaz, um Golf branco, tentaram sair com o veículo, mas não conseguiram e voltaram a abordar o rapaz para orientá-los a dirigir o carro e como retribuição o trancaram dentro do depósito com um cadeado no portão.

O vidraceiro só foi libertado alguns minutos depois, graças a chegada de sua esposa e só assim acionou a seguradora e a Polícia Militar, inclusive dizendo que acreditava que os meliantes teriam fugido sentido Cupira, porém uma guarnição da Rocroc do 1º BIEsp estava fazendo o patrulhamento pelo Loteamento Adalgisa Nunes em Caruaru, com outras guarnições e ao copiarem a placa do veículo via rádio, o visualizaram, ao tentarem abordá-los, o motorista começou a fazer manobras bruscas e o carona efetuou seis disparos contra o policiamento que reagiu a injusta agressão e na troca de tiros os dois meliantes foram atingidos.
O Samu foi acionado e socorreu os dois assaltantes, levando-os ao Hospital Regional do Agreste, onde não resistiram e morreram após dar entrada. Eduardo Henrique da Silva, de 19 anos, que morava na Rua Joaquim Seabra, no bairro Salgado Antony Miguel de Souza, de apenas 15 anos, também do Salgado. Com os meliantes foi localizado um revólver calibre 38 com seis munições deflagradas e duas intactas, um simulacro de pistola calibre ponto 40 e dois celulares.
Apesar dos dois assaltantes terem morrido num confronto policial, as mortes entram para a estatística dos assassinatos que somam 16 homicídios no mês de julho e 107 na soma geral dos crimes de morte no ano de 2018.

Do Estação Notícias / Adielson Galvão

Nenhum comentário:

Postar um comentário