segunda-feira, 21 de maio de 2018

Grande clássico de inesquecíveis histórias

Por Francisco Matheus

O Futebol em Brejo da Madre de Deus, Agreste de Pernambuco, é símbolo de vibração, paixão e muita alegria. É uma modalidade esportiva que leva multidões ao delírio. Aqui, no Brejo, esta paixão não se limita apenas aos grandes clubes profissionais que acompanhamos pela TV do Sudeste ou Sul, mas também às equipes de futebol amador de nossa querida cidade, motivo de muita alegria e orgulho. 

O futebol amador envolve famílias, amigos, empresas e comerciantes. É o futebol que revela talentos, que descobre valores, e que exerce um importante papel de integração social em nossa terra. Também significa, muitas vezes, a única fonte de lazer para a nossa querida população num dia de Domingo.

Em Brejo temos duas equipes que nunca serão esquecidas, equipes essas que tem história e continua dando alegria a população em nossa cidade. O #Estrela e o #Penãrol são equipes que movimentam Brejo da Madre de Deus e lotam o Valdomiro Silva em dia de jogo. São equipes que nunca serão comparadas às que aí estão ou que começaram agora. Futebol não é feito apenas da realidade, mais sim de uma história em seu passado. 

#Estrela criado em 87, #Penãrol em 88, equipes essas que é paixão passada de geração em geração. Quem um dia irá esquecer do #Penãrol de Benício? Quem um dia irá esquecer do #Estrela de Miguelão? Quem um dia irá esquecer do título do #Estrela de 1999 que tinha Moza em sua fase espetacular? 

Quem um dia irá esquecer do título do #Penãrol de 1995 com um time que era imbatível e tinha Benício em sua fase fora de série? Apesar de toda sua importância, as equipes do futebol amador em nossa cidade, muitas vezes, passam por dificuldades. Cada etapa, desde a confecção dos uniformes até o dinheiro para despesas do campeonato são difíceis.

 Assim, muitas equipes têm que correr atrás de patrocinadores, ou então, fazer a tradicional “vaquinha” entre o grupo e a própria comunidade. Apesar de todas dificuldades, o futebol amador luta bravamente para se manter e alimentar a paixão de milhares de torcedores na nossa cidade, que se distraem e estreitam laços de amizade.

Quem me conhece sabe, sou torcedor do Estrela, mais como Professor de Educação Física sempre torcendo pelo o crescimento do esporte em nossa cidade. Seja qual for a modalidade, tem que ser levada a sério, pois é muito importante no processo de desenvolvimento social.

Não percam próximo dia 27 de Maio mais um grande capítulo dessa importante história. Clássico esse que tem mais de 30 anos de rivalidade e muita história para se contar.

Do Estação Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário