sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

Corpo de jovem assassinando do Trevo do Brejo passou mais de 7h para ser removido do local do crime

“Handerson foi morto com uma facada no peito”

O Blog Estação Notícias conversou com familiares do jovem Handerson Santos Pereira da Silva, 17 anos, assassinado na noite da quinta-feira (08) no Trevo da entrada do Brejo da Madre de Deus.

A família contou a nossa reportagem que o jovem é filho de José Leonardo conhecido por “Irmão”, residente no Loteamento Pedro Aguiar, que fica entre o Bairro Boa esperança e o Parque de Vaquejadas. Ainda segundo a família, Handerson estudava na escola municipal José Inácio e ajudava seus pais que são catadores de reciclados.

“Ele era um rapaz calmo, não tinha inimizades nem passagem pela polícia e trabalhava ajudando a gente catando reciclados”, disse a mãe.

A família foi informada que Handerson estava com um amigo em um bar no Trevo, e que esse amigo teria ido até o posto de combustíveis, e minutos depois viu o jovem andando cambaleando e caindo no chão.
Corpo do jovem ficou mais de 7 horas no local do crime. A família ficou revoltada

Handerson foi atingido no peito por uma faca e perdeu muito sangue, morrendo minutos após a agressão. A família disse que não sabe quem matou o jovem. Porém, surgiu a informação de que o crime pode ter sido passional (relacionado à paixão). A polícia investiga o caso.

Outro fato lamentável é que o jovem foi morto às 23h e o corpo ficou no local do crime até as 6h da manhã desta sexta-feira (09), quando foi retirado e levado para a Delegacia de Santa Cruz do Capibaribe para depois ser encaminhado para autopsia no IML em Caruaru.

O corpo de Handerson será velado no velório municipal e sepultado hoje as 16h no cemitério do Brejo.

Do Estação Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário