quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Beneficiários do INSS: Façam a comprovação de vida para não ter o seu benefício interrompido

Está acabando o prazo para que os “beneficiários e beneficiárias” do INSS façam a comprovação de vida para não ter o seu benefício interrompido. Até o final do ano, cerca de 6,5 milhões de pessoas ainda não haviam feito o procedimento junto ao seu agente financeiro pagador.

O prazo para fazer a comprovação de vida era até 31 de dezembro de 2017. Para evitar que um grande número de beneficiários (as) tenha o seu benefício interrompido, o prazo foi prorrogado para 28 de fevereiro de 2018. Não é necessário se dirigir a uma Agência da Previdência Social. O procedimento é realizado diretamente no banco em que o beneficiário recebe o benefício. Basta apresentar um documento de identificação com foto (carteira de identidade, carteira de trabalho, carteira nacional de habilitação, entre outros).

É importante destacar que essa comprovação de vida é obrigatória para todos os beneficiários do INSS que recebem seus pagamentos por meio de conta corrente, conta poupança ou cartão magnético. Os beneficiários que não puderem se dirigir à agência bancária por motivo de doença ou por dificuldade de locomoção podem realizar a comprovação de vida por meio de um procurador devidamente cadastrado no INSS.
Quem não fizer, terá o seu PAGAMENTO INTERROMPIDO. Portanto, não deixe para a última hora. Faça logo o procedimento. Não comprometa o recebimento do seu benefício.

Do Estação Notícias / Contag

Nenhum comentário:

Postar um comentário