domingo, 10 de dezembro de 2017

Em Toritama homem mata enteado e se suicida após ver vídeo de sua ex dançando com outro homem

Foi mais um crime bárbaro que choca Toritama e o Agreste do Estado

Neste sábado (09), uma tragédia familiar que chocou a cidade de Toritama está ganhando contornos ainda mais brutais. De acordo com informações, a tragédia que terminou com ex-padrasto e enteado mortos, aconteceu após uma discussão familiar que ocorreu no interior de uma residência na localidade conhecida como “Sítio Oncinha”, que fica no Loteamento Golden Square.

José Edson Silva de Moura, de 31 anos, ex-marido de Maria Adriana da Silva e que é mãe de Victor Inácio da Silva, de 16 anos, teria ido à casa da ex-mulher e, com a confusão gerada, o adolescente, que era seu enteado, teria se metido na briga e acabou sendo atingido, na cabeça, com um disparo de arma de fogo.
Ter visto o vídeo da sua ex-mulher dançando agarrada com outro homem, deixou Edson revoltado e fora de si, cometendo a tragédia após a discussão

O adolescente chegou a ser socorrido para o Hospital Municipal de Toritama, mas morreu pouco depois de dar entrada na unidade. Já Edson usou a mesma arma para se matar, efetuando um disparo na cabeça, tiro este efetuado enquanto ele ainda estava no interior da casa onde aconteceu a confusão.

A tragédia, de acordo com as informações, teria razões passionais, sendo motivada graças ao fato de Edson ter visto um vídeo em que aparece sua ex-mulher, cujo término do relacionamento teria acontecido cerca de 30 dias antes, dançando em uma festa com outro homem. Inicialmente se achava que este seria o pai do adolescente, mas a informação acabou sendo negada graças ao andamento dos trabalhos de investigação.
Morreu ao tentar proteger a sua mãe da fúria do ex-padrasto

Não satisfeito, Edson teria então ido à casa da ex-companheira para tirar satisfações, chegando inclusive a revirar móveis dentro da casa. Foi nesse momento que o adolescente teria tentado por um fim a briga e acabou sendo ele o alvo da fúria do ex-padrasto.

Um áudio gravado por José Edson, momentos antes da tragédia, mostra que o mesmo estava em fúria ao relatar o conteúdo do vídeo onde aparece a ex-companheira.

A polícia segue com as investigações e novas informações desse caso devem ser reveladas em breve.

Do Estação Notícias / Adielson Galvão

Nenhum comentário:

Postar um comentário