quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Em Brejo, torcedores do Sport e Santa Cruz dão exemplo de que a rivalidade deve ser apenas dentro de campo

Em Pernambuco é grande a paixão dos torcedores pelos três principais times do estado, Sport, Santa Cruz e Náutico. Expressar o seu amor pelo clube do coração, vestir a camisa, ir ao estádio torcer, são atividades que abrilhantam esta modalidade esportiva, que é preferência nacional.

Infelizmente muitos torcedores não agem da forma que deveriam, extrapolam nas comemorações e perdem a razão, partindo para agressão. Muitas vezes chegando a brigas violentas.

Mas nem sempre é assim, em Brejo da Madre de Deus, no Agreste pernambucano, dois torcedores deram um grande exemplo de que a rivalidade deve ser apenas dentro das quatro linhas. No domingo passado, dia 13 de agosto, o cabeleireiro Ubancir Mesquita foi trabalhar com a camisa do Santa Cruz e recebeu o seu cliente André Ferreira, que estava com a camisa do Sport. Enquanto Ubancir cortava o cabelo de André, boas conversas predominavam o ambiente, sem esquecer de dar uma zoada de leve no rival.
Que atitudes como esta se espalhem e que os torcedores, seja de qual clube for, saibam que devemos respeitar as opiniões, valoriza uma boa amizade, independentemente de time, raça, cor ou religião.

Devemos lembrar que uma boa amizade não se deixa por nada.


Do Estação Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário