terça-feira, 2 de maio de 2017

Polêmica: Devido a suposto atropelamento de feira, prefeito Hilário e Roberto Asfora "se alfinetam" pelo WhatsApp

Confira os principais trechos das conversas

Na semana passada o morador do sítio Logradouro conhecido por Michel gravou um áudio dizendo que o carro oficial do prefeito do Brejo da Madre de Deus, Hilário Paulo, passou em alta velocidade pela localidade e atropelou a feira de uma senhora conhecida por Dodô. O áudio foi postado nos grupos de WhatsApp e movimentou os bastidores do mundo político brejense.

“Eita prefeito, quem está falando aqui é Michel do Logradouro, você passou aqui com o seu motorista, tinha um Toyota verde parada tirando umas bolsas do povo que vinha da rua e vocês passaram por cima dos troços da mulher e nem parou para dar satisfação”, acusou o cidadão em tom de revolta e agressividade.

Em resposta a acusação, o prefeito Hilário reconheceu que passou com pressa e disse que não viram nenhuma bolsa e que estaria reparando o prejuízo no mesmo dia.

“Michel, eu não vi essa bolsa não, eu realmente passei com pressa e daqui a pouquinho eu vou estar ai, e se agente deu algum prejuízo a alguém eu sou muito homem pra pagar. Talvez você não me conheça, eu sou muito diferente de Roberto Asfora”, alfinetou o prefeito Hilário.

O que já estava quente pegou fogo de vez com as ultimas palavras do prefeito, que para muitos, deixou a entender que o ex-prefeito é mau pagador.

A resposta de Asfora veio carregada de acusações ao prefeito Hilário e finaliza o destratando, chamando-o de “anão”.

“Realmente nós somos muito diferentes Hilário Paulo, eu e você. Seja mais humilde e tenha educação e esqueça meu nome. Você é muito pequeno, não só fisicamente, mas moralmente pra falar no meu nome, seu anão”, disparou Asfora.

Essa troca de “elogios” entre prefeito e ex-prefeito ainda está rendendo nas rodas de conversas políticas, e claro, dividindo opiniões.

Do Estação Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário