sexta-feira, 18 de março de 2016

PERIGOS NA UTILIZAÇÃO DE CORTICOIDES

O surto de doenças como Chikungunya, Zika e Dengue fez com que algumas farmácias se aproveitassem da situação para explorar a população, e medicar seus clientes com medicamentos chamados corticoides, sem o menor cuidado e zelo com sua saúde, gerando riscos gravíssimos, inclusive de morte.

Para orientar seus clientes e a população em geral, a Farmácia São Jerônimo publica este artigo sobre os ricos da utilização destes medicamentos. Caso queiram mais informações, procurem, liguem, mandem e-mail ou mensagem a Farmácia São Jerônimo.

Os glicocorticoides, também chamados de corticoides ou corticosteroides, são drogas poderosas, derivadas do hormônio cortisol produzido pela glândula suprarrenal. Os corticoides são frequentemente usados como parte do tratamento de doenças de origem inflamatória, alérgica, imunológica e até contra alguns tipos de câncer. Os corticoides mais conhecidos e utilizados são: hidrocortisona, deflazacorte, prednisolona, prednisona, betametasona e dexametasona.

Apesar de ser um medicamento muito eficaz contra várias doenças graves, os corticoides apresentam uma extensa quantidade de efeitos colaterais, alguns deles gravíssimos, outros esteticamente indesejáveis. Quando usados de forma prolongada ou de forma inadequada, os corticoides levam ao ganho de peso, aumento da glicose, aumento da pressão arterial, podem causar estrias, provocam acne, enfraquecem os ossos, aumento da facilidade em pegar doenças infeciosas, etc.

Os efeitos colaterais estão intimamente relacionados à dose e ao tempo de uso. O uso esporádico e por pouco tempo geralmente não é capaz de levar ao surgimento de efeitos adversos. Não é preciso se preocupar, por exemplo, com a prescrição de corticoides por apenas uma semana, mesmo que este esteja em doses altas. No entanto, a utilização por período maior ou em doses altas (principalmente injetáveis) repetidas em período curto de tempo pode gerar danos sérios a saúde.

O uso de corticoides por muito tempo inibe a produção natural de cortisol pela glândula suprarrenal. E a suspensão abrupta na utilização do corticoide faz com que o corpo passe 2 a 3 dias com níveis de cortisol próximo de zero e isso faz com que os sintomas que os pacientes sentiam antes de começarem a usar os corticoides, voltem de forma muito forte e agressiva.

NUNCA UTILIZEM CORTICOIDES SEM A ORIENTAÇÃO DE UM FARMACÊUTICO E/OU MEDICO. DÚVIDAS PROCUREM A FARMÁCIA SÃO JERÔNIMO.
Do Estação Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário