quarta-feira, 20 de maio de 2015

Policial Federal brejense se mata com um tiro na boca em Caxias no Maranhão

O Policial Federal Isnardo Franciolli, que matou o tenente do 25º Batalhão de Caçadores de Teresina, José Ramos Correia Júnior, durante uma discussão de transito em Caxias em 15 de abril do ano passado, em frente a uma pizzaria, cometeu suicídio por volta de 2h da madrugada desta quarta feira (20) com um tiro de pistola na boca.

A residência da vítima encontra-se isolada para perícia. Segundo informações ele estaria em processo de separação pouco tempo após o crime e estaria sofrendo de profunda depressão. Apesar de ter cometido o homicídio ele ministrava aulas à tarde em uma faculdade particular em Caxias, pois respondia o processo em liberdade.

A briga que resultou em morte teve início após a vítima estacionar o carro em meio à via pública, impedindo o tráfego de veículos.

Franciolli nasceu em Fazenda Nova, distrito de Brejo da Madre de Deus em Pernambuco.

Do Estação Notícias Fonte: Sérgio Matias e Raquel Sousa/180graus

Nenhum comentário:

Postar um comentário